Com mais de 60 mil doses entregues, Paraíba contempla 100% da população adulta com a 1ª dose

Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) distribui, na manhã desta segunda-feira (20), 60.414 doses da vacina fabricada pela Pfizer/Corminaty contra a Covid-19. Deste total, 25.836 são destinadas à primeira dose (D1) da população adulta a partir de 18 anos que, com esta remessa, atinge 100% de cobertura da D1. A dose de reforço para os indivíduos adultos com alto grau de imunossupressão também atinge 100% de cobertura com esta distribuição, com a entrega de 13.056 doses. Outra categoria contemplada nesta remessa, com 21.522 doses, é a população idosa a partir de 70 anos que já completou 6 meses do fechamento do esquema inicial e aguarda a dose de reforço.

O secretário estadual de saúde, Geraldo Medeiros, faz um chamamento para que a população busque pela vacina. “Conforme previsto, estamos entregando as doses para contemplar 100% da população a partir de 18 anos com a primeira dose durante o mês de setembro. Mas é importante que todos os paraibanos e paraibanas recebam a vacina para que possamos alcançar, ainda este ano, a imunidade coletiva. Somente com a população vacinada podemos frear o vírus, diminuir a perda de vidas e retomar a nossa rotina com segurança”.

Geraldo Medeiros lembra que milhares de indivíduos ainda não receberam a segunda dose, mesmo passado o intervalo oportuno. “O avanço da vacinação tem trazido excelentes resultados na diminuição dos casos graves e óbitos, portanto, vamos manter o esquema vacinal em dia. Conclamo aqueles que estão com a segunda dose atrasada, ou que foram comtemplados com a dose adicional, que busquem as salas de vacinação dos municípios e reforcem sua imunidade contra a covid-19”.

Foram recebidas ainda 141.766 doses que ficarão armazenadas na rede de frio estadual para segunda dose (D2) e dose de reforço da população indígena a partir de 70 anos. Desse total, 96.366 são da Pfizer/Corminaty, 44.950 da AstraZeneca/Fiocruz e 450 da Janssen. Os imunizantes destinados para D2 serão enviados aos municípios no tempo oportuno e as doses para a população indígena priorizada nesta distribuição serão encaminhadas para o DSEI Potiguar.

A SES reforça a importância de continuar acatando as medidas preventivas não farmacológicas. Ainda é indispensável o uso da máscara, a higienização frequente das mãos com água e sabão e/ou álcool a 70% e o distanciamento seguro.