Novo complexo turístico em Pitimbu no Litoral Sul da Paraíba

Barcos utilizados para pesca e recreação, onde consta letreiro com os nomes das Praias e das duas Colônias de Pescadores do Município; a Z4 – Pitimbu e a Z10 – Acaú

A Prefeitura Municipal de Pitimbu, por meio da secretaria de Turismo e Meio Ambiente,  um novo complexo turístico na cidade, com ampla Praça de alimentação com lojinhas para a gastronomia e para o artesanato local.

Essa requalificação dos espaços urbanos de Pitimbu, localizado no Litoral Sul paraibano, faz parte do processo de melhoria da infraestrutura visando proporcionar mais conforto e atrair mais turistas para o município.

Lojinhas para comercialização de artesanato e alimentação na nova Praça dos Franceses, em Pitimbu (PB) – Foto: Divulgação

A nova Praça contará com 8 lojas para comercialização de artesanatos que foram selecionados por tipologia, para que o turista possa comprar peças feitas com  a quenga de coco, com a fibra da palha do coqueiro, com as escamas de peixe, com as conchas de mariscos, macramê, fuxicos, crochê e outros trabalhos manuais. Além disso, a Praça contará com 13 quiosques de alimentação, onde serão comercializados lanches e petiscos, com o melhor da gastronomia local, totalizando assim, 21 quiosques.

No centro da nova Praça, estarão ancorados quatro caícos, que são pequenas embarcações com duas proas e de fundo chato, utilizadas para pesca e recreação, onde consta letreiro com os nomes das Praias e das duas Colônias de Pescadores do Município; a Z4 – Pitimbu e a Z10 – Acaú. Inclusive, as jangadas com dois mastros, adaptação decorrente do regime de ventos da região, possibilitou o acréscimo de mais uma vela na embarcação visando melhorar a navegação existente em Pitimbu. As jangadas são tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), na categoria de Paisagem Cultural Brasileira. Além disso, o piso da nova Praça, apresenta em mosaico, a Rosa dos Ventos e o Planisfério, que definem o Marco Zero do Município.

O nome “Porto dos Franceses” que foi dado à nova Praça, é uma homenagem a Pitimbu, que na época do Brasil Colônia recebia muitas visitas de estrangeiros, notadamente, franceses interessados em “negociar” o pau-brasil com  os índios Potiguara e Tabajaras que habitavam a região.

Naquela época, a enseada de Pitimbu ficou conhecida como “Porto dos Franceses”, por ter ancoradouros para mais de 12 naus que contavam com 6 ou 10 braças de profundidade (braça é uma antiga medida de comprimento equivalente a 2,20 metros, linearmente, que, apesar de antiga, atualmente ainda é usada). Os franceses, que chegaram muito antes dos portugueses,  atracavam suas embarcações no local e realizavam as trocas com índios locais e ancoravam os navios dos comerciantes de pau-brasil, em um verdadeiro porto natural, longe das ondas bravias do mar aberto.

Fonte: https://alelontra.com.br/novo-complexo-turistico-e-inaugurado-em-pitimbu-no-litoral-sul-da-paraiba/